quinta-feira, 7 de abril de 2016

Esses dias de meia noite e caídas nas tardes muito quentes, me exauriram; Arrancaram de mim indiferença. Acabo rasteiro com a agenda em branco, perco tempo, jogo-o fora, como se fosse detentor da eternidade e pudesse dispor por arbítrio da exclusividade, revisito páginas, em vão, e temo não conseguir sair mais, pois o calejar torna o coração sem dor, revestido de tecido espesso e lá sem vai o quarto mês do ano. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário